Imposto sobre a orientação solar???

Ontem ao final do dia, quando li a notícia sobre a orientação solar e a subida de IMI, não queria mesmo acreditar! A notícia tem origem no Jornal de Negócios, mas na versão online não se lê nada, pelo que nem vale a pena aqui linkar.

OK, uma vista privilegiada ainda se entende, mas espero ansiosamente como vão calcular isso. Agora, pagar um imposto sobre o Sol que entra em casa??? Como é que primeiro vão calcular isso? Qualquer casa isolada tem alguma coisa virada a sul. Deve ser para onde estão viradas as janelas? Ou o tamanho delas? E que vai ser dos rés-do-chão, na selva urbana, que só vêm Sol no pico do Verão, que é quando menos interessa? Vão diferenciar por andar? Ou vão mandar um fiscal várias vezes por ano, para ver quantos lúmens entram dentro de casa???

É claro que não faltam chico-espertos no meio disto tudo, para nos enganar. Como aquele responsável que ouvi num dos Telejornais a dizer que esta receita reverte para os Municípios, e portanto representará menos despesa para o Estado Central!!! Esse, nunca deve ter visto como um porco engorda! Ahhh, e tenho a certeza que as Câmaras vão começar por reavaliar as casas viradas a Sul, porque as casa viradas a Norte vão passar a ser beneficiadas! Essas ficarão para muito mais tarde, à espera que os proprietários não descubram

Esta medida é tão estupudificante, que imagino que tenham que mudar o ensino da Arquitectura. Sim, porque agora ter uma casa com boa exposição solar é sinónimo de uma sobretaxa maluca. E sim, beneficia os  infractores, aqueles que vão começar a fazer casas sem janelas. Bastiat não imaginaria melhor! O que vem a seguir? Também aposto no oxigénio!

Este País está definitivamente louco! Nem há tempo para indignação, porque estamos na silly-season, e estão todos a apanhar … Sol??? Da próxima vez que ouvirem falar de eficiência energética, energias renováveis, e boas práticas, já sabem o que os espera a seguir!

Bónus! Sim, parece ser unânime que este imposto está ao nível de um dos piores impostos de sempre! Basta pesquisar no Google, para encontrar essa quase unanimidade (fiquei-me por cinco, mas é a pontapé!):

Tags: , ,

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *