O preço de um vinho

Um copo de vinho

Um copo de vinho

Não sou minimamente um especialista de vinhos, e por isso a infografia que publicamos é uma grande ajuda. Gosto de alguns, mas não compreendo outros. Por isso, foi com um sorriso que li um artigo já antigo, do The Economist, que nos diz que afinal isto do preço dos vinhos pode não estar tanto relacionado com a qualidade como pensavamos.

Num estudo que saiu no Journal of Wine Economics, os franceses Sébastien Lecocq e Michael Visser determinaram que os consumidores estavam mais interessados na garrafa e no seu rótulo, e que características como a cor ou o vintage influenciavam mais a decisão do que propriamente o gosto e cheiro…

Noutro estudo famoso, de Combris et al., verifica-se como na licitação de garrafas de champagne o preço era mais elevado, em cerca de 33%, quando os compradores apenas viam as garrafas. Quando o provavam, o preço oferecido era muito menor!

Da próxima vez que provar um vinho, verifique o que valoriza: se o que realmente interessa, ou aquilo que não se bebe?

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *