Validar Facturas para IRS

Hoje é o último dia (foi entretanto alargado hoje até ao fim do mês) para validar as suas facturas no Portal das Finanças. Se não acedeu nas últimas semanas, não se assuste, pois o grafismo mudou. Para um link mais directo, basta clicar aqui.

Depois de introduzir as suas credenciais, terá que classificar as facturas que o Fisco não conseguiu classificar. Isso deve-se essencialmente às facturas emitidas por entidades com mais de uma actividade.

[NOTA 2015-02-15 22:45: Ao voltar agora ao site descubro que há um botão “Complementar Informação Faturas”, que nos leva a uma página distinta, de muito mais fácil utilização, mas sem todos os itens abaixo… Vou tentar averiguar porquê…]

[NOTA 2015-02-16 16:11: É impossível contactar com a AT. Tentei por vários links da folha de cálculo que referimos aqui. Tentei mesmo contactar o 707 do CAT, mas desliguei depois de muitos minutos sem me atenderem… Vou continuar a procurar a explicação para as diferenças/erros.]

Para o fazer, dentro do site, o processo não é propriamente simples. Deverá seleccionar no menu Faturas a opção “Verificar Faturas”. Aparecerá uma lista das faturas que estão por classificar associadas ao seu número de contribuinte. As que verificar se estão associadas a um dos seguintes itens

  • Manutenção e reparação de veículos automóveis
  • Manutenção e reparação de motociclos, de suas peças e acessórios
  • Alojamento, restauração e similares
  • Atividades de salões de cabeleireiro e institutos de beleza
  • Saúde
  • Educação
  • Imóveis
  • Lares

terá que clicar no respectivo link, depois carregar no link Alterar no final da página que aparece, depois alterar o campo “Atividade de Realização da Aquisição”, e finalmente carregar em Guardar.

O método é um verdadeiro pesadelo, podia estar muito simplificado, mas assim imagino que uma coisa mal feita renda ao Estado mais, umas menos devoluções… E estejam cientes que o que vão arrecadar em IRS vão ser uns trocos muito magros… Ainda por cima, no meu caso, apareceram umas mensagens do género:

  • Valor do campo ‘Código de enquadramento aquisição actividades emitente’ inválido (emitente não tem CAE na secção/classe indicada).
Erro finanças

Erro finanças

Tags:

{ 16 comments to read ... please submit one more! }

  1. O prazo foi alargado até 28 de Fevereiro!

    http://rr.sapo.pt/informacao_detalhe.aspx?fid=25&did=178400

  2. Obrigado Leonardo, tinha ouvido também na rádio, mas só agora foi possível autorizar link/actualizar…

  3. Aparece-me o mesmo quando tento validar

    ‘Código de enquadramento aquisição actividades emitente’ inválido (emitente não tem CAE na secção/classe indicada

    Assim acontece quando a atividade emitente tem como atividade principal outro enquadramento
    No meu caso são despesas de saúde realizadas nas LOJAS WELLS do CONTINENTE . O comerciante é PHARMACONTINENTE – Saude e Higiene S A.
    Outras pendencias são faturas adquiridas em farmácias Unipessoal que surgem enquadradas no setor “Outros”.
    Quer numa, quer noutra situação a dedução só é possível se permitida a correção destas indefinições no e-fatura? Ou será possível submeter estas faturas aquando do preenchimento da declaração de IRS como habitualmente, apesar de haver pendências sobre as mesmas no e-fatura?
    A AT tem que esclarecer e resolver esta situação pois o contribuinte será lesado se não o fizer.

    Obrigado

  4. No meu caso, é relativo a uma consulta numa clínica dentária. Vou tentar averiguar porque está a acontecer…

  5. Também tenho uma clínica dentária pendente. Irei também esclarecer amanhã.

  6. Boa tarde! Alguém conseguiu descobrir a solução para o erro “Código de enquadramento aquisição actividades emitente’ inválido (emitente não tem CAE na secção/classe indicada).” ? Continua a acontecer-me com faturas de parafarmácias e clínica de podologia. Obrigada.

  7. Bom dia tbm estou com o mesmo problema
    ” Valor do campo ‘Código de enquadramento aquisição actividades emitente’ inválido (emitente não tem CAE na secção/classe indicada).”
    no entanto fui a um dentista numa santa casa da misericordia, alguem tem novidades sobre esta situaçao peculiar?
    cpts

  8. O mesmo problema aqui, fui a uma urgência de um Hospital (Hospital de Riba d’Ave)pertencente à Santa Casa da Misericórdia e a factura entrou no campo “Outros”, quando tento alterar para o campo “Saúde” dá o famoso erro: “emitente não tem CAE na secção/classe indicada”
    Também tenho uma factura de um restaurante que também entrou no campo “outros” e não me deixa alterar para “restauração” pois diz “emitente não tem CAE na secção/classe indicada”

    E pronto, com isto vai-se perder as deduções…

  9. Desculpem,
    MAS porque carga de água tem o contribuinte pagante de saber qual o código de actividade (CAE) utilizado na transacção?????

    Não será responsabilidade de outrem proporcionar tal informação????

  10. Eu das 108 faturas conta-se pelas minhas mãos as que têm CAE! O que posso fazer??

{ 0 Pingbacks/Trackbacks }

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *