You are currently browsing the Poupar Melhor posts tagged: temperatura


As árvores que contam

New York City Street Tree Map

New York City Street Tree Map

O site New York City Street Tree Map tem a representação num mapa de todas as árvores de Nova Iorque e dos benefícios que são esperados destas árvores.

O mapa é o resultado do trabalho voluntário dos nova-iorquinos e representa o diâmetro e espécies de cada árvore registada.

Quando se aproxima aos detalhes de cada vizinhança é possível obter mais informação para além da própria diversidade. Para cada vizinhança é possível saber os benefícios ecológicos específicos obtidos da manutenção destas árvores:

  • Total de água da chuva intercetada;
  • Conservação de energia;
  • Poluentes e dióxido de carbono removido.

Vem aí muito calor…

A partir do próximo fim de semana, e dias subsequentes, está prevista uma onda de calor muito significativa para praticamente a totalidade de Portugal Continental, mesmo em lugares onde normalmente não aquece tanto. Conjugando as previsões existentes com os dados do IPMA, ontem à noite quando escrevia estavam previstos no Domingo, 43ºC para Santarém e arredores, e no norte Braga a chegar aos 40ºC… E as temperaturas mínimas vão ser muito elevadas, como por exemplo 26ºC em Lisboa, de mínima!

Felizmente, estes próximos dias são mais frescos, mesmo com nuvens. Por isso, toca a refrescar as casas, para que elas estejam mais fresquinhas no fim de semana. Atenção todavia ao refrescamento excessivo, pois uma descida abrupta de temperatura, conjugada a muita humidade, pode dar origem a condensações significativas, dando conta mesmo das pinturas da parede…

Como estas temperaturas são também um risco para a saúde, previna-se com muitos líquidos. Não façam muito esforço físico nos picos de calor, e se puderem estar mais próximos do litoral, temperaturas mais fresquinhas são garantidas…

Humidade no quarto

Os leitores sabem que tenho andado a monitorizar a humidade cá em casa nos últimos tempos. Comecei na casa de banho, passei pela sala e pela cozinha. Hoje vou referenciar as medições que fiz no quarto.

O primeiro gráfico abaixo dá-nos a variação da humidade durante pouco mais de um dia. Logo no início do gráfico verificamos uma pequena subida da humidade, que derivou da toma de um banho. Mesmo com a porta do WC fechada, note-se o ligeiro aumento da humidade. Durante a noite, a humidade subiu, tendo diminuído notoriamente ao início da manhã do dia seguinte, quando habitualmente aproveitamos para arejar o quarto. Os níveis de humidade continuaram a descer até meados da tarde, sendo que a partir daí se verificou nova subida até à altura em que produzi o gráfico, já à noite.

Humidade no quarto

Humidade no quarto

Como a humidade também varia com a temperatura, junto abaixo o gráfico da temperatura. Ele não fornece muitas pistas, até porque a variação global é muito ligeira:

Temperatura no quarto

Temperatura no quarto

Ar condicionado sem eletricidade: verdadeiro ou falso?


As voltas na Internet mostraram à pouco tempo uma invenção dos países pobres. Um ar condicionado que não necessita de gás, eletricidade ou grande manutenção. As instruções de como construir um podem ser vistas num dos muitos vídeos que se encontram na Internet.

Quando comecei este post estava, como muita gente na Internet, feliz por se ter arranjado um meio de arrefecimento barato. Acontece que a ideia não me saia da cabeça. A energia daquele calor tinha de ter ido para algum lado e soprar não torna algo mais frio só por si.

O problema é que os vídeos em questão não explicam como é que a termodinâmica consegue produzir menos calor com o ar a ser pressionado por garrafas. Se alguma coisa irá acontecer pela pressão do ar a ser comprimido pelas garrafas seria ficar mais quente. O oposto acontece quando o ar é descomprimido, o que arrefece.

Aparentemente a ideia parece ter colhido uma boa receção na Internet, não sabemos é se funciona mesmo.

Humidade na sala

Continuo as minhas experiências com o sensor de Humidade Relativa da EnergyOT. Depois da experiência na casa de banho, resolvi experimentar o sensor na sala.

Como podem ver na imagem abaixo, a humidade relativa registou valores entre os 50% e 60%, valores bastante bons! A humidade relativa foi menor durante a tarde, e subiu durante a madrugada. Desceu igualmente durante a manhã, em virtude do arejamento derivado da abertura das janelas. Note-se que não houve grande movimentação na sala durante o período analisado, sendo de destacar para além do arejamento, a boa exposição solar, e a existência de múltiplas plantas.

Humidade na sala

Humidade na sala

O mesmo sensor dá-nos a temperatura, que podemos ver na imagem abaixo. Note-se como a evolução da temperatura é quase sempre inversa à da humidade:

Temperatura na Sala

Temperatura na Sala

Temperaturas num portátil

O meu portátil anda recentemente a aquecer um pouco mais que o que era habitual. É perceptível pelo calor que atinge as mãos. Nesse sentido, resolvi meter mãos à obra, até porque não tendo já uma grande potência, ainda me serve perfeitamente.

O primeiro passo foi arranjar um software que monitorizasse a evolução das temperaturas. No passado, em Windows, usei muito o Speedfan, mas não me satisfazia, sobretudo os gráficos. Experimentei um ou outro software adicional, até instalar e usar definitivamente o MSI Afterburner. Muito utilizado no contexto do overclocking, tem também muita informação sobre o hardware.

Neste primeiro gráfico abaixo, podemos ver um cenário em que o portátil está quentinho, atingindo a temperatura do CPU os 80ºC. Como podem observar, as temperaturas estão constantemente acima dos 70º, tocando brevemente em valores próximos aos 80ºC:

Temp1

Temperaturas elevadas no processador

Apenas no arranque se nota alguma diferença. Como podem ver na imagem abaixo, depois de um resume, a temperatura é sigificativamente inferior. Ainda assim, começa a subir rapidamente depois de reiniciado:

Temperatura depois de Suspend

Temperatura depois de Suspend

Os passos seguintes passam por fazer diminuir a temperatura. Já aspirei o lixo, que não era quase nenhum. Agora, vai ser abrir o portátil com muito jeitinho, e provavelmente colocar um pouco da massa térmica, já que o portátil está a fazer quase cinco aninhos…