Como ganhar gratuitamente um equipamento de monitorização da qualidade da rede de acesso à Internet

SamKnows box

SamKnows box

Num press release de 26 de junho, a Comissão Europeia informa que vai repetir o estudo que se baseia na colocação de equipamentos SamKnows em casa dos utilizadores. A oportunidade de terem um equipamento de controlo de report de qualidade de rede caseiro pode novamente ser aproveitada.

Às vezes já andámos de roda de um problema tantas vezes que já acreditamos em bruxas. Começamos com comportamentos supersticiosos, mesmo sabendo que as máquinas operam sempre da mesma maneira enquanto se mantiverem as condições de funcionamento. Ainda assim, carregamos mais que uma vez na opção para salvar os documentos ou vamos verificar que o que ficou gravado é o que queríamos depois de o fazermos. Não confiamos.

No meu caso, já tive tantas discussões com o meu prestador de serviços de comunicação de dados lá de casa que quando apareceu a oportunidade de ter uma forma de saber autonomamente o estado da minha ligação à rede, saltei para a oportunidade e inscrevi-me. Milagrosamente, depois da caixa do SamKnows instalada, as quebras e problemas de rede desapareceram. Nunca mais houve discussões com as linhas de atendimento do prestadores de serviços de comunicações desde que passei a ter estes dados.

Este equipamento é colocado entre a nossa rede e o acesso à Internet, recolhe a informação de uso da nossa ligação e envia-a para a SamKnows. Os dados recolhidos permitem saber se os parâmetros de contrato estão a ser cumpridos e em que condições.

Relatórios do SamKnows no iPhone

Relatórios do SamKnows no iPhone

A solução oferece uma aplicação para iPhone que nos dá acesso aos dados enviados pelo SamKnows para o site onde podemos ver os mesmos dados. A imagem da aplicação apresenta alguns dos detalhes que podem passar a ter acesso.

Tags: ,

{ 10 comments to read ... please submit one more! }

  1. Desculpe mas não resisti em comentar… está a sugerir que o seu ISP tem capacidade de detectar que tem um aparelho “SamKnows” e que por isso lhe melhora a qualidade do serviço nesse período de tempo, de modo a fazer boa figura?!

  2. Tiago,
    Eu, se fosse responsável pelo ISP, e tendo em conta que o destino do estudo é a Comissão Europeia, garanto-lhe que ia ter bons resultados! Deixe-me dizer-lhe que a sua sugestão é, obviamente, muito fácil de implementar.
    Mais. Já existiu um estudo em Portugal, onde os autores do estudo acharam impossível que um ISP tivesse clientes onde a “qualidade de serviço” superava os “100%”. Eu não achei impossível, só não achei compreensível é os restantes clientes não disporem da mesma “qualidade de serviço”…

  3. Entendo o que diz, mas, ao contrário do que afirma, não só não é fácil de implementar (teoricamente o software da whitebox SamKnows impede o ISP de se aperceber dessa situação, e tendo em conta o objectivo do projecto, parece estranho que a teoria da conspiração chegasse a este ponto… se assim fosse o projecto em si era uma farsa, e não forçaria nenhum ISP a melhorar temporariamente o serviço) como estão proibidos pelo código de conduta (http://www.samknows.com/broadband/code-conduct) de processar informação individualmente.
    A informação que chega a cada ISP é fornecida, após trabalhada, pela SamKnows.

    E mais, facilmente e com pouc0 conhecimento técnico é possível verificar qual o caminho que a informação que sai da whitebox segue, e se está encriptada ou não (como os responsáveis do projecto afirmam, e mais uma vez, porquê mentir..).

    Finalizando, e por ser leitor assíduo do vosso site, este comentário em tom de brincadeira tentou realçar o facto de em diversas matérias aqui apresentadas, é deixado no ar muitas vezes a nuvem da “teoria da conspiração” contra os consumidores. Eu sei que é um site que pretende proteger os consumidores, e é naturalmente de louvar, mas para isso bastam factos, as restantes extrapolações deveriam caber a cada um, consumidor.

    Continuação e obrigado pelo bom serviço prestado,
    Tiago

  4. Tiago,
    Em termos técnicos, posso-lhe garantir que é muito fácil detectar quem são os utilizadores que têm equipamentos da SamKnows, e que é igualmente muito fácil dar-lhes um “empurrãozinho” em termos de qualidade de serviço. Estar encriptado ou não, não aquece nem arrefece. Felizmente, a metodologia é aberta e facilmente perceptível.
    Mas se quer uma boa teoriazinha da conspiração, fique com a seguinte ideia: como os servidores que a SamKnows utiliza são perfeitamente conhecidos, determinados ISPs podem até denegrir o comportamento de outros, desde que o tráfego passe por eles. O mesmo se pode dizer de países: se o tráfego de Portugal está a ser avaliado em Espanha, França ou Reino Unido, porque os servidores estão nesses países, então… Enfim, uma breve pesquisa no Google dá-lhe uma ideia de como esses testes são muito fáceis de manipular, tando cá na Europa, como nos Estados Unidos… Há até relatos na primeira pessoa.

  5. Ok por hoje desisto… à semelhança de outras trocas de comentários noutros posts vossos, têm sempre razão.

    Infelizmente (ou felizmente, nos tempos que correm…) não disponho de mais tempo para continuar. Apesar do controlo que afirma existir ser técnicamente viável, e não querendo puxar dos galões (porque de facto não o são!) sei que o mesmo não acontece com os dois principais ISP’s (ZON e MEO).
    E já agora, a encriptação tem de facto o potencial de aquecer e arrefecer, uma vez que a própria origem e destino podem ser encriptados (os ISP’s não são entidades isoladas, existem ferramentas técnicas de controlo por parte de entidades competentes, nomeadamente FCCN, entre outras).

    Concluo com uma sugestão pessoal para o site: entendendo a sua abrangência de conteúdos, existem determinadas coisas com que nos devemos preocupar, com outras não. Por falta de interesse prático, ou por falta de conhecimento. Ninguém sabe tudo! Nem a Internet! :)

    Cumprimentos e continuação do bom trabalho, amanhã cá voltarei como habitual.
    Tiago

  6. Tiago,

    Acredito que devemos reclamar com um objetivo e no sentido de melhorar a qualidade do serviço que nos prestam.

    Os dados de uma 3ª entidade podem ser transmitidos ao prestador de serviços de dados quando haja degradação de serviço. Na prática estamos a oferecer informação que o prestador de serviços pode usar na resolução do incidente e com alguma sorte, do problema que o originou.

    O SamKnows oferece-nos mais um Dashboard onde podemos consultar informação quando precisarmos de tomar decisões relativas ao nosso prestador de serviço.

  7. Fui aceite no estudo. Estou à espera do aparelho! :)

  8. Boa. Ficamos a aguardar os resultados da experiência.

{ 2 Pingbacks/Trackbacks }

  1. Melhorar o wifi com um repetidor de sinal » Poupar Melhor
  1. Murphy, Zonhub e o Raspberry Pi lá de casa » Poupar Melhor

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *