Computador novo?

PC a precisar de vitaminas

Uma das queixas recorrentes sobre os computadores é serem lentos. E à medida que envelhecem, vão ficando cada vez mais lentos. Tal acontece normalmente porque vamos instalando mais programas, ocupando mais disco, traduzindo-se tal em cada vez maior ineficiência. E quando efectuamos alguma comparação com um computador mais recente, é quase sempre garantido que ficamos logo com apetite de reformar o computador antigo.

Na grande maioria dos casos, o processador é apontado como o culpado da lentidão. Sabemos pela lei de Moore que a capacidade dos processadores duplica, pelo mesmo preço, em menos de dois anos. Infelizmente, é das substituições mais difíceis de fazer em qualquer computador, pelo que uma melhoria de processador justifica quase sempre um computador novo.

Felizmente, os processadores dos computadores fazem cada vez menos. Na verdade, passam a maior parte do tempo a “dormir”. Outras tantas vezes, quando estão a processar em demasia, pode ser uma consequência de algo errado, em vez de uma causa. Por isso, antes de comprar um computador novo, dê uma vista de olhos a dois dos outros factores que mais contribuem para tornar um computador lento: a memória e o disco.

A memória RAM é quase sempre muito fácil de aumentar. Pode ter que abdicar da existente, mas normalmente por poucas dezenas de euros, consegue artilhar um computador não muito recente. Como tudo, tome em linha de conta as múltiplas especificidades associadas à sua substituição (eg. tipo de encaixe, velocidade, etc.). Da minha experiência, é talvez a forma mais económica de voltar a dar vida a um computador mais antigo.

Os discos duros são também uma fonte de preocupações, até porque são cada vez mais fáceis de encher. E muitas vezes nem sabemos porque enchem, pelo que é conveniente deitar mãos a uma ferramenta como a que aqui referimos. Não deixe o seu disco principal encher acima dos 80%, pois mesmo em sistemas onde a fragmentação é tratada com mais cuidado, como é o caso por exemplo dos filesystems usados com o Linux, o seu rendimento decai rapidamente. Nestes casos, os discos externos são uma solução muito razoável. Outra alternativa muito interessante são os novos discos SSD.

Se estiver a pensar reformar o seu PC antigo, pense por isso duas vezes! Verifique se não consegue optimizá-lo primeiro…

Tags:

{ 4 comments to read ... please submit one more! }

  1. Pois que azar o meu. O senhor veio em boa hora defender-me do tal aparelho que poupa energia e que parece ser uma fraude.
    Mas, como disse, azar meu, pois logo no seu site aparece um anúncio da ESPOW.
    Ora eu comprei a essa empresa um 16000mAh / 11200 High Capacity Solar Panel Charger for Laptop (31 Unique Adapter Tips) (ESOLARC37) = €85.36 + Royal Mail Registered ( Shipping to Portugal: 1200 g(s) ): €13.59, tudo por 98,95 euros.
    E que dizer? Fui redondamente enganado. O aparelho viria para Portugal de Inglaterra acabou por vir de Singapura. Justificação: tinha-se acabado o stock. Mas isto foi o menos pois não tive que pagar direitos. Mau, mau é que o aparelho não corresponde nem de perto nem de longe ao anunciado. Dizem eles que demora 3 a 5 horas a carregar na corrente elétrice e depois o computador trabalha de 3 a 5 horas. Mentira. Carrega em cerca de 1h e 20 minutos e depois trabalha o computador cerca de 1h e 30 minutos. Isto para pelo menos 3 horas é cerca de metade. Mas o mais grave é que eles dizem que o aparelho carrega com energia solar demorando cerca de 12 horas a carregar. Ora de eu deixar o aparelho ao sol, forte como é agora, das 10 h da manhã até às 19 h durante 3 dias seguidos o aparelho estará ao sol 27 horas. Depois disto ligado ao computador este trabalha 15 minutos. É para rir? Não, é para chorar de tanta vigarice que anda pela net. E agora vou reclamar a quem? Se fosse num estabelecimento ainda poderia partir os queixos ao aldrabão. Mas aqui!!!
    Ironia é o senhor defender-nos contra os vigaristas e anunciar no seu site um vigarista.
    Obrigado pela atenção e apenas pretendo alertar para este trader (é assim que se chama?) e para que outros não caiam na esparrela.

  2. O aparelho não é como vem acima um 11200mAh mas um 16000mAh.
    Portanto ainda é mais grave o mau funcionamento do aparelho.
    Desculpem o lapso mas posso se entenderem mostrar o e-mail da compra.

  3. Caro Álvaro Morgado,
    A publicidade inserida no Poupar Melhor é efectuada através do Google Ads. Não temos controlo directo sobre o que é mostrado, mas esperamos que o Google não insira nada que vá diamteralmente contra o que aqui divulgamos. Iremos analisar todavia essa situação.
    Quanto ao aparelho de energia solar, já ouvi algumas referências de pessoas que não ficaram satisfeitas com produtos similares. Eu pessoalmente tinha na década de 80 uma calculadora solar e funcionava às mil maravilhas. Mas desde então não tenho tido exposição à tecnologia. Vou ficar atento porque é certamente um tema interessante no contexto da subida do preço da electricidade, mas também quando estamos longe de uma ficha eléctrica, na praia por exemplo…

{ 1 Pingbacks/Trackbacks }

  1. Olhando para o Task Manager » Poupar Melhor

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *