Consumo de electricidade do Raspberry Pi

Depois da compra dos Raspberry Pi, uma das primeiras tarefas, depois de o ter posto a funcionar, foi verificar os seus níveis de consumo de electricidade. Já sabíamos à partida que era muito baixo, mas como se comportava exactamente era algo que tinha que ser posto à prova. A imagem abaixo documenta o consumo de electricidade do meu Raspberry Pi, a executar RaspBMC.

Consumo de Electricidade do Raspberry Pi

Consumo de Electricidade do Raspberry Pi

A potência consumida em funcionamento normal está entre os 2 e 3 W, mas este é um valor ligeiramente inferior ao real, pois o factor de potência é bastante baixo. O Raspberry Pi consome também um pouco menos quando a televisão é desligada, mas a diferença não é substancial. Quando o RaspBMC é desligado, aí sim o consumo baixa significativamente… Note-se que este último consumo é mesmo do Rasperry Pi, pois o transformador utilizado tem um consumo praticamente nulo quando não tem nada ligado.

Ainda assim, este é um computador que promete ser muito económico quando ficar permanentemente ligado, pelo menos comparado com outras alternativas. Utilizando um valor médio de 2.5 Wh, o Raspberry Pi consumirá, se permanentemente ligado, 2.5 x 24 x 365 = 21.9 kWh durante um ano, o que significará ao preço actual da tarifa simples de 0.1728 €/kWh cerca de 3.78 euros por ano…

Tags: ,

{ 3 comments to read ... please submit one more! }

  1. E quando está a visualizar um filme no raspbmc? Qual é o consumo então?

  2. Realmente é bem economico, fiz alguns testes também e dá pra se desligar algumas coisas quando não for usar, como é o caso do subsystem do hdmi/rca que diminui em 0,13W, entre outras coisas, com subsystem do usb/rj45 também desligado ( suponhamos que tenha um projeto que rodará na bateria e que usará somente o GPIO) foi possível chegar a 0,84W de consumo no modelo B: http://everpi.tsar.in/2014/01/raspberry-pi-projetos-consumo-de-energia-parte-1.html

{ 1 Pingbacks/Trackbacks }

  1. Usar Raspberry Pi como torrent box | SergioLopes.com.pt

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *