Latência no futebol

Cá em casa, é bastante habitual ouvirmos o festejo dos golos de uma partida de futebol mesmo que não estejemos a ver a partida… Como já vivi colado ao antigo Estádio da Luz, há muito que tenho consciência da demora entre um determinado acontecimento e a sua visualização na televisão.

Ontem resolvi fazer uma pequena experiência com o Alemanha-Portugal, cujo resultado obviamente não permitiu ouvir os vizinhos. No vídeo abaixo podemos observar o quarto golo da Alemanha através de três meios de comunicação, numa evidência do impacto da latência na vida real.

A televisão que é visível no vídeo tem a função PIP, que permite ver dois canais ao mesmo tempo. O ecrã principal transmitia o sinal da RTP1 proveniente da box da ZON, enquanto no canto superior direito é igualmente visível a RTP1, mas no sinal proveniente do cabo coaxial. Ao mesmo tempo, o som é proveniente da TSF, transmitido através das ondas hertzianas.

O primeiro a dar o golo é a rádio, e logo depois a televisão através do cabo. A diferença entre o coaxial e a box é substancial, de quase exactamente 5 segundos. Uma eternidade, que pode fazer a diferença em determinadas situações…

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *