Taxas de fertilidade na União Europeia

Num artigo do início da semana, referenciavamos um estudo efectuado na União Europeia, sobre o envelhecimento que se verifica. Um dos gráficos que nos deve marcar mais no estudo é relativo à taxa de fertilidade, ou seja do número de nascimentos por mulher.

O gráfico, visível abaixo, e na página 35 do relatório acima referenciado, evidencia que somos o país com taxa de fertilidade mais baixa da União, e assim nos manteremos nas próximas décadas:

Taxas fertilidade na União Europeia

Taxas fertilidade na União Europeia

Quando ouvimos os nossos políticos preocupados com a sustentabilidade da Segurança Social, é bom que tenham em atenção este gráfico. Porque sem mais nascimentos, estamos igualmente condenados. E embora seja uma boa nova observar que essa taxa vai subir, é óbvio que é preciso fazer algo mais… Como se pode ver por estes dados retirados do Google, o problema existe há já cerca de três décadas em Portugal:

Evolução da taxa de fertilidade em Portugal

Evolução da taxa de fertilidade em Portugal

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *