Ministro Plástico

O Ministro Jorge Moreira da Silva continua aparentemente perdido. Classificado pelo seu par como fundamentalista, conseguiu impor a sua Fiscalidade Verde. O que ele não contava era com o facto de que os Portugueses não são burrosFintá-lo é quase um desporto nacional, e motivo de risota para com os jotinhas verdes.

O mais hilariante é que o Ministro se tem desdobrado em entrevistas para aclamar um sucesso de coisa nenhuma! Ele próprio fala nas contas empíricas, que devem ser tão boas como aquelas que previam uma receita de 40 milhões com a taxa dos sacos plásticos… Quem agora vai ficar com o dinheiro verde são os hipermercados e mercearias, que ficam com 8 cêntimos, entregando ao Estado 2 cêntimos de IVA. E o próprio Ministro dá razão ao Poupar Melhor:

É claro que ainda lhe falta falar dos sacos da fruta… E sabe-se lá quantas mais piruetas vão acontecer. Basta ler alguns artigos jocosos por aí, como por exemplo este de Lucy Pepper, o icebergue de plástico, para perceber a demagogia à volta do tema. E a verdade, verdade, é que nada disto é para ajudar o ambiente, mas sim para contribuir que a máquina gorda do Estado assim permaneça, e continue a ser ainda mais roliça, para as quais serão necessárias novas taxas…

Mas eu ainda não contribuí, nem vou contribuir, para este peditório!

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *