ERSE engana-nos outra vez!

Sinceramente, já estava à espera. É como no ano passado, e anteriores. A ERSE diz que a electricidade vai aumentar 2.8% para 2014, quando devia ser ao contrário, mas se fizer as contas para o seu caso, então provavelmente vai chegar à conclusão que é bem mais!

Para ver quanto sobe realmente a electricidade, para o caso do Mercado Regulado, é só confirmar no site da ERSE os valores para 2013 e 2014. Já vem em folha de cálculo e tudo! Este ano, eles baralharam as contas, começando de forma inteligente, oferecendo um pequeno rebuçado nos preços de potência, mas não para os mais necessitados!

kVA 2013 2014 %
1.15 2.36 2.43 2.97
2.3 4.14 4.26 2.90
3.45 5.61 4.64 -17.29
4.6 7.32 6.03 -17.62
5.75 9.00 7.42 -17.56
6.9 10.68 8.81 -17.51
10.35 15.71 12.96 -17.50
13.8 20.75 17.12 -17.49
17.25 25.78 21.28 -17.46
20.7 30.81 25.44 -17.43

Se têm uma potência inferior a 3.45 kVA, então o custo de potência vai aumentar! Se é como a grande maioria dos consumidores portugueses, então nesta vertente poupa entre quase um euro e mais de cinco euros…

O real problema é o custo da electricidade, ie. do kWh! Como se pode ver na tabela abaixo, o aumento é consistentemente superior a 8%!!!

2013
(>6.9 kVA)
2013
(<=6.9 kVA)
2014
(>6.9 kVA)
2014
(<=6.9 kVA)
%
(>6.9 kVA)
%
(<=6.9 kVA)
Tarifa Simples (<3.45 kVA)  0.1210 0.1317 8.84
Tarifa Simples (>=3.45 kVA) 0.1418 0.1405 0.1543 0.1528 8.82 8.75
Bi-horário Fora de Vazio 0.1674 0.1641 0.1821 0.1785 8.78 8.78
Vazio  0.0878  0.0870  0.0955  0.0946  8.77  8.74
Tri-horário Ponta  0.1899  0.1865  0.2066  0.2029  8.79  8.79
Cheias  0.1515  0.1483  0.1642  0.1613  8.38  8.77
Vazio  0.0878  0.0870  0.0955  0.0946  8.77  8.74

Note-se que todos levam um aumento no preço do kWh da electricidade entre 8% e 9%! No meu caso, com um consumo anual de 864 kWh em Vazio e 1424 kWh em Fora de Vazio, e com uma potência de 3.45 kVA, a subida no preço da electricidade pode ser facilmente calculado:

  • Potência 2013: 12 x 5.61 = 67.32 €
  • Electricidade 2013: (864 x 0.0870) + (1424 x 0.1641) = 308.85 €
  • Potência 2014: 12 x 4.64 = 55.68 €
  • Electricidade 2014: (864 x 0.0946) + (1424 x 0.1785) = 335.92 €

Assim sendo, enquanto em 2013 paguei 376.17 € (67.32+308.85), este ano irei pagar 391.60 € (55.68+335.92), o que corresponde a uma subida percentual de 4.10%. Tal representa, para mim, uma subida menor que a do ano anterior, mas ainda assim bastante superior à que a ERSE anuncia!

Aliás, olhando para os valores da ERSE, é fácil perceber quem fica a ganhar e a perder:

  • Ganha mais, quem tiver contador em casa mas não gastar electricidade, eg. emigrantes
  • A subida é menor para quem tem consumos baixos, e se aplica na poupança dos kWh
  • A subida é muito expressiva para quem consumir muitos kWh
  • Para os consumidores de potências mais baixas, normalmente os mais desfavorecidos, a subida é duplamente penalizante!

Tags:

{ 7 comments to read ... please submit one more! }

  1. Muito elucidativo. Obrigada.

  2. Maria Irene Trovão Ferro

    É vergonhoso. Obrigado pois assim é bem + fácil entender.

  3. A ERSE também diz que o aumento do gás é de 2,8%. Já fiz as contas para o meu caso e 0 aumento é de 6,9%. Estou no escalão 3. O kWh aumenta 7,8%!

    http://www.erse.pt/pt/imprensa/comunicados/2013/Comunicados/Comunicado%20tarifas%20transit%C3%B3rias%20GN%20-%201%C2%BAtrim2014.pdf

{ 4 Pingbacks/Trackbacks }

  1. Desmontando os argumentos da ERSE » Poupar Melhor
  1. Decadência dos Media Tradicionais » Poupar Melhor
  1. Energia Solar » Poupar Melhor
  1. Os reais aumentos da electricidade » Poupar Melhor

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *