O que tem de subir, sobe!

Cada vez mais confuso!

Cada vez mais confuso!

Todos os anos é a mesma coisa! A ERSE inventa umas justificações para subir o preço da electricidade.

Desde que começamos o Poupar Melhor, já houve justificações da ERSE para todos os gostos! A variação em 2012 foi uma mentira. A justificação para a subida era porque tinha havido uma poupança grande dos Portugueses. Em 2013, a subida prometida era de 2.8%, mas a subida foi bem maior! Em 2014, fomos enganados outra vez, mas a justificação foi a mesma: uma diminuição do consumo.

No final de 2013, já sabíamos o óbvio: o consumo de electricidade estava a aumentar! O outro argumento, o do preço do petróleo, também saiu furado. Do resto da análise que temos vindo a fazer, ressalta o contributo das eólicas e o problema do subsídio às renováveis

O comunicado da ERSE de ontem revela que as justificações para a subida são mais do mesmo:

  • A dívida da PRE (essencialmente eólicas) é o que mais contribui para a subida.
  • Desta vez, o aumento do consumo é a justificação para a subida. Aumente ou diminua o consumo, tem que ser sempre a subir!

Tags:

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *